Responsabilidade dividida

QUALQUER UM poderia fazê-lo, mas NINGUÉM o fez. ALGUEM ficou aborrecido com isso, porque entendia que a execução do trabalho era responsabilidade de TODO MUNDO. TODO MUNDO pensou que QUALQUER UM poderia executá-lo, mas NINGUÉM imaginou que TODO MUNDO não o faria. TODO MUNDO culpou ALGUÉM, quando NINGUÉM Fez o que QUALQUER UM poderia ter feito!

Moral da história: Responsabilidade dividida, ou não bem-definida, gera insatisfações e ineficiência no trabalho.

O que Podemos Aprender com os Gansos (Alenxandre Rangel), página 178

Leave a Reply

Your email address will not be published.